Sadhana Informática
Procurar: ok






Posições obtidas
das efemérides
do programa
Astrologia Natal


Você está aqui: Home > Leituras > Textos e Artigos > Sobre a Astrologia...

Seção de Textos e Artigos


Sobre a Astrologia...
Extraído do prefácio do livro "Manual de Astrologia", de Sepharial,
por Amauri Magagna



"Num assunto experimental como a Astrologia, há sempre algo de novo a ser dito e muito a ser revisto à luz de uma experiência mais universal do que a dos autores astrológicos dos séculos XVII e XVIII. A descoberta do planeta Plutão, em 1930, ampliou o campo de nossas pesquisas e muita coisa foi acrescentada ao já conhecido no tocante à natureza e poderes dos planetas. (...)

"A lei da vida é a lei do progresso e nós, que do nosso ponto de vista temporal observamos a passagem dos eventos, podemos, se assim quisermos, ver nisso a atuação desta lei através da repetição cíclica em sucessivas épocas e gerações.

"O astrônomo observa isso no movimento dos planetas e cometas em suas órbitas, e a sucessão de fenômenos ligados a isso repete-se continuamente, mas sempre em relação à experiência de novas e sucessivas gerações. Assim, toda a Humanidade aprende a mesma lição e o mesmo livro é repetidamente estudado a cada período que se segue. O astrônomo, com sua ciência, pode predizer o retorno de cometas, as conjunções, ocultações e outros fenômenos dos planetas, além dos eclipses do Sol e da Lua, séculos antes de sua ocorrência.

"O astrólogo, anotando a repetição cíclica dos eventos em conjunção com os fenômenos celestes existentes, pode, por métodos similares, predizer quando este ou aquele evento pode ocorrer novamente. Não há nada de sobrenatural nisso, uma vez que passamos a conhecer as leis da influência planetária, a impressionabilidade da natureza e o poder do homem de ler tais impressões.

"Talvez o leitor pense que ao dizer isso estamos indo longe demais sem recorrer à experiência comum, mas no que se refere à Astrologia, não vamos além de onde o leitor pode provar pela aplicação das regras contidas nos manuais à sua própria vida e à dos outros. Não é de esperar que uma estrutura científica, como a Astrologia se propõe a ser, tenha-se construído ao longo dos séculos na base de meros conceitos da imaginação, ou numa base similarmente insegura que não passaria no teste da linha de prumo da ciência. Ao contrário, argüimos que a arte da previsão está assentada de modo firme nos imutáveis princípios da natureza e que todo o plano e superestrutura nada mais são que a apresentação de certas regras bem definidas que operam no mundo arquetípico. Pitágoras tinha como verdade que todas as coisas eram formadas segundo um modelo existente na Mente Universal e que todas as formas não passavam da expressão de números ou quantidades existentes na alma das coisas. Sobre essa indestrutível base numérica apóia-se firmemente a ciência astrológica.

"É por causa dessa base matemática da Astrologia que a ciência é tão fácil de ser provada, em contraposição a tantas outras formas divinatórias menos científicas."

Sepharial

Vega Plus Online


Publique o seu texto

  • Envie o seu texto para o e-mail


Voltar
Voltar à lista de artigos